Isenção de Imposto de Renda de representantes comerciais

Existe Isencao De Imposto De Renda De Representantes Comerciais Blog - AM Contabilidade Online

Compartilhe nas redes!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

A isenção de Imposto de Renda de representantes comerciais existe? Quando ela é aplicada?

O Imposto de Renda para representantes comerciais apresenta certas particularidades. Por isso, é fundamental conhecê-las a fim de não perder os seus direitos e de não ter problemas com o fisco

O Imposto de Renda gera muitas dúvidas nos contribuintes, sejam eles pessoas físicas, sejam eles pessoas jurídicas. Mas, quando tratamos do Imposto de Renda de representantes comerciais, o assunto fica ainda mais complicado.

Afinal, existem situações em que esse tributo federal não pode ser cobrado, todavia, ainda assim, é cobrado indevidamente, e muitos representantes comerciais não sabem disso.

Não se preocupe, pois, no artigo de hoje, vamos explicar tudo sobre a isenção de Imposto de Renda de representantes comerciais. Assim, você finalmente entenderá como ela funciona, poderá exercer o seu direito e até mesmo solicitar a restituição dos valores que já foram retidos.

Então continue conosco e boa leitura!

Existe isenção do Imposto de Renda de representantes comerciais?

Esse é um assunto muito discutido e que gera muitas dúvidas nos representantes comerciais.

Em primeiro lugar, é importante salientar que estamos falando da possível isenção referente ao Imposto de Renda cobrado sobre a indenização recebida por meio da rescisão do contrato de representação comercial.

Além disso, vale salientar que o entendimento da Receita Federal sobre o assunto acaba divergindo do entendimento dos Tribunais Superiores e artigos da lei.

O que acontece é que, de acordo com a Lei nº 4.886, de 9 de dezembro de 1965, que regula as atividades dos representantes comerciais autônomos, na alínea j, do artigo 27, temos a definição de que há:

Indenização devida ao representante pela rescisão do contrato fora dos casos previstos no art. 35, cujo montante não poderá ser inferior a 1/12 (um doze avos) do total da retribuição auferida durante o tempo em que exerceu a representação.

Ou seja, há o direito à indenização quando houver a rescisão imotivada, sem justa causa.

Ainda, em relação à rescisão contratual, temos, no artigo 70 da lei 9.430/96, que:

A multa ou qualquer outra vantagem paga ou creditada por pessoa jurídica, ainda que a título de indenização, a beneficiária pessoa física ou jurídica, inclusive isenta, em virtude de rescisão de contrato, sujeitam-se à incidência do imposto de renda na fonte à alíquota de quinze por cento.

Contudo, no parágrafo quinto do mesmo artigo, temos que:

O disposto neste artigo não se aplica às indenizações pagas ou creditadas em conformidade com a legislação trabalhista e àquelas destinadas a reparar danos patrimoniais.

Nesse contexto, tem-se o entendimento que essas indenizações são destinadas a reparar danos patrimoniais, tendo em vista que o representante comercial irá receber a indenização por todo trabalho realizado e dedicado à empresa em que trabalhou. Logo, nesses valores da indenização não pode incidir a cobrança do Imposto de Renda.

Sendo assim, tratando-se de indenizações recebidas por meio da rescisão do contrato de representação comercial, tais profissionais estão isentos do pagamento do Imposto de Renda.

Contudo, como já foi mencionado no presente artigo, o entendimento da Receita Federal é diferente, o que permite o desconto indevido, por parte das empresas, do Imposto de Renda sobre as indenizações dos representantes comerciais.

Sendo assim, é fundamental o auxílio de um profissional contábil especializado em representantes comerciais para fazer valer o direito à isenção ou, caso o imposto já tenha sido retido, para entrar com a solicitação da restituição desses valores com o intuito de recuperar o dinheiro que é seu por direito.

Vale ressaltar que, mesmo com a isenção do pagamento desse imposto nesse caso específico, nos casos de obrigatoriedade, você ainda precisa realizar a declaração do Imposto de Renda. E é sobre esse assunto que iremos tratar a seguir.

Como declarar o Imposto de Renda de representantes comerciais?

Para representantes comerciais que atuam como CLT, caso atendam aos critérios de obrigatoriedade da declaração do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF), as regras de declaração são as mesmas das outras pessoas físicas. Contudo, atente-se aos rendimentos isentos e não tributados, tendo em vista que os representantes comerciais podem receber ajuda de custo para viagens, para diárias, para deslocamentos etc.

Já em relação aos representantes comerciais autônomos que atuam como pessoa física, é importante manter um controle de caixa atualizado, pois esse poderá ajudar na apuração e na declaração.

Lembrando que esse profissional autônomo deverá tributar apenas a receita líquida com a devida dedução das despesas legais, como conta de água, luz e internet, aluguel, despesas com a locomoção, entre outras.

Mas como fazer a declaração do Imposto de Renda de representantes comerciais pessoas físicas?

O primeiro passo é reunir os documentos necessários referentes aos rendimentos, aos bens e aos direitos, como:

  • Nome, RG e CPF do contribuinte e dependentes (inclusive das crianças);
  • Título de eleitor;
  • Profissão atual e conta bancária;
  • Cópia da declaração do IR do ano anterior;
  • Recibos de gastos com saúde e com educação;
  • Informe de todos os rendimentos;
  • Comprovantes de compra e de venda de bens.

Após organizar os documentos, é importante baixar o programa da declaração do Imposto de Renda, disponível no site da Receita Federal, acessar o programa e realizar o preenchimento correto, optando pelo modelo de declaração simplificado ou completo.

Com tudo finalizado, é hora de revisar todas as informações preenchidas, assim como a digitação, garantido que não houve erros, e de entregar a sua declaração do Imposto de Renda.

Para saber um pouco mais sobre o assunto, você pode acessar os links abaixo:

Mas e em relação ao representante comercial pessoa jurídica?

As regras para a declaração do Imposto de Renda da Pessoa Jurídica (IRPJ), em relação a prazos e a alíquotas, vão depender do regime tributário adotado pela empresa de representante comercial, se Simples Nacional, Lucro Real ou Lucro Presumido.

Para saber um pouco mais sobre o melhor modelo de atuação e sobre o regime de tributação para o representante comercial, acesse o link abaixo:

Para fazer a declaração, o processo é parecido com a declaração da pessoa física e também deve ser realizado através do programa disponibilizado pela Receita Federal.

Lembrando que os principais documentos para a declaração são:

  • CNPJ e nome da empresa;
  • Declaração do IR do ano anterior;
  • Comprovante de despesas e de custos;
  • Comprovante de doações;
  • Comprovantes de distribuição de lucros;
  • Comprovante de pró-labore;
  • Notas fiscais e recibos;
  • Notas de venda e de prestação de serviço.

É importante ressaltar que erros na declaração ou a não declaração do IR podem causar muitos problemas com a Receita Federal, como cair na malha fina e ficar impedido de receber os valores da restituição, assim como o pagamento de multas e o bloqueio do CPF.

Então evite problemas com a Receita Federal ao contar com o auxílio de um profissional contábil especializado no seu setor de atuação.

A AM Contabilidade é o suporte ideal para quem é representante comercial

Nós, da AM Contabilidade, somos especialistas em representantes comerciais; logo, entendemos as suas particularidades, as necessidades e os problemas e vamos te ajudar com cada um deles.

Afinal, o nosso objetivo é trazer soluções assertivas e personalizadas e uma rotina facilitada para você. 

Sendo assim, os nossos profissionais altamente capacitados, treinados e experientes irão prestar todo o suporte contábil, fiscal e tributário para que assuntos como a tributação, a redução de impostos, a formalização de empresas e a gestão financeira não sejam uma dor de cabeça para você. Pelo contrário, trabalhamos para que esses assuntos sejam aliados da sua empresa..

Quer conhecer o nosso trabalho de perto, tirar suas dúvidas e aproveitar as vantagens de ser um parceiro da AM Contabilidade? Entre em contato conosco agora mesmo e converse com os nossos especialistas.

CLIQUE AQUI E APROVEITE TODOS OS BENEFÍCIOS FISCAIS PARA REPRESENTANTES COMERCIAIS!

Se você precisa de serviço relacionado ao artigo ou necessita de maiores informações sobre o assunto, conte conosco, da AM Contabilidade Online.

Muito mais do que apenas o envio de impostos e o cumprimento das obrigações: conosco, além de você encontrar soluções para o seu negócio, também pode contar sempre com nossos especialistas para o que for relacionado à contabilidade enquanto propulsora do crescimento de seu negócio.

Entre em contato conosco utilizando as informações disponibilizadas em nosso website; caso prefira, você pode utilizar a ferramenta de chat do WhatsApp, ela fica localizada no canto inferior direito.

Estamos apenas te esperando.

PRESSIONE AQUI AGORA MESMO E FALE JÁ CONOSCO PARA MAIS INFORMAÇÕES!

5/5 - (1 vote)
Summary
Isenção de Imposto de Renda de representantes comerciais
Article Name
Isenção de Imposto de Renda de representantes comerciais
Description
A isenção de Imposto de Renda de representantes comerciais existe? Quando ela é aplicada? Leia nosso post e confira as respostas!
Author
Publisher Name
AM Contabilidade
Publisher Logo

Falar com especialista agora!

Compartilhe nas redes:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Veja também

Posts Relacionados

Saiba Agora Mesmo Como Encantar Clientes Blog - AM Contabilidade Online

Como encantar clientes: quais as dicas?

Conheça 5 dicas de como encantar clientes para suas atividades como representante comercial Confira, neste artigo, quais as principais dicas para conseguir encantar clientes em suas atividades como representante comercial Todos sabem que a retenção de clientes é um dos

Receita Federal Prorroga O Prazo Da Declaracao Do Imposto De Renda 2022 Blog - AM Contabilidade Online

Prorrogação IRPF 2022: entenda com aproveitar, infoprodutor

Entenda como aproveitar a prorrogação IRPF 2022 para otimizar o envio da sua declaração Infoprodutor, reunimos informações importantes, as quais vão ajudar você a aproveitar melhor a prorrogação do IRPF 2022 Você ficou sabendo que houve a prorrogação do IRPF

Conheca Os Detalhes Sobre A Lei 488665 Para Representantes Comerciais Blog - AM Contabilidade Online

Lei 4.886/65: de que você precisa saber?

Conheça os detalhes sobre a Lei 4.886/65 para representantes comerciais e o direito ao 1/12 avos que ela permite ao profissional Entender as questões pertinentes ao vínculo empregatício de um representante comercial é fundamental. Confira, neste artigo, todos os detalhes

Recomendado só para você
Em junho de 2021 a Receita Federal publicou a Solução…
Cresta Posts Box by CP
Back To Top